O Liverpool visitou o estádo do vizinho Everton e saiu de Goodison Park com um empate. Sob chuva torrencial em Liverpool, os dois times fizeram uma abertura frenética aos 10 minutos, com o Everton procurando testar seus visitantes com uma abordagem de alta intensidade.

Depois da quarta-feira europeia frente ao Manchester City, a equipe de Jurgen Klopp entrou no dérbi de Merseyside sem Firmino e Mo Salah, principais figuras ofensivas da equipe. O egípcio nem figurou na ficha de jogo, depois de ter saído lesionado no encontro da Liga dos Campeões, no meio da semana.

O retorno de Nathaniel Clyne na lateral-direito deu aos Reds uma saída útil, e o inglês quase deu um gol para Dominic Solanke, que viu seu esforço de perto serem negados por uma defesa fenomenal de Jordan Pickford.

Yannick Bolasie aproveitou a chance para testar Loris Karius aos 22 minutos, e o oposto de Pickford respondeu com uma defesa igualmente impressionante.

No final o Everton chegou mais perto de abrir o placar, mas o atacante Cenk Tosun não conseguiu acertar o alvo em um cabeceamento tardio na área, garantindo um empate sem gols.

Apesar de ter sido melhor que o rival, a verdade é que os reds saíram frustrados da partida e desperdiçam a chance de roubar o segundo lugar do Manchester United que, mais logo, tem precisamente o dérbi com o rival City. Um jogo que pode coroar a equipe de Guardiola como campeã. O Tottenham, atual 4° colocado, também pode alcançar os Reds em número de pontos, com a equipe de Londres tendo dois jogos a menos no momento.

O Liverpool volta a campo agora nesta terça-feira, 10 de Abril, no jogo decisivo diante do City pela Liga dos Campeões.

EVERTON 0x0 LIVERPOOL

Everton: Pickford, Coleman, Keane, Jagielka, Baines, Schneiderlin, Davies, Rooney, Bolasie, Walcott, Tosun.

Liverpool: Karius, Clyne, Lovren, Van Dijk, Klavan, Henderson, Wijnaldum, Milner (68 Ox), Mane (74 Firmino), Ings (89 Alexander-Arnold), Solanke.