Jurgen Klopp já reagiu à saída de Philippe Coutinho para o Barcelona, em declarações ao site do oficial do Liverpool.

"Não é nenhum segredo que Philippe queria ir embora desde julho, quando o Barcelona nos mostrou interesse pela primeira vez. Ele disse a mim, aos donos e aos companheiros. Estava desesperado para que a transferência acontecesse", assegurou o alemão.

"É uma perda para o clube, preparamo-nos para dizer adeus a um bom amigo, uma pessoa maravilhosa e um jogador fantástico», confessou, insistindo que o Liverpool fez tudo o que era possível para manter Coutinho em Anfield.

"Posso dizer aos torcedores que, como clube, fizemos tudo o que era possível para convencer Coutinho que ficar no Liverpool era tão atrativo como ir para Esapanha. Mas ele estava 100% convencido de que o seu futuro e da sua família estava em Barcelona. Era o seu sonho e nada podia mudar a sua postura", concluiu Klopp.

ABOLA - PT