Texto por Colaborador: Redação 18/09/2023 - 03:00

A lenda do Liverpool, Jamie Carragher, criticou as reclamações de Gary Neville ao Manchester United depois que o ex-zagueiro do Old Trafford lançou um ataque nas redes sociais à família Glazer após a derrota em casa por 3 a 1 para o Brighton no sábado.

O United, que está em 13º lugar na tabela da Premier League com apenas seis pontos nas cinco primeiras partidas do campeonato, foi vaiado em Old Trafford quando os Seagulls infligiram a terceira derrota da temporada ao time de Erik Ten Hag, após gols de Danny Welbeck, Pascal Gross e João Pedro.

Embora os Red Devils tenham marcado através de Hannibal Mejbri a 17 minutos do fim, o primeiro gol do jovem médio na Premier League não passou de um consolo, já que a equipe de Roberto De Zerbi conquistou a quarta vitória consecutiva sobre a equipe de Old Trafford.

Ao acessar o X, anteriormente conhecido como Twitter, após o jogo, Neville, que tem criticado veementemente a família Glazer e sua recente forma de lidar com uma possível venda do United, insistiu que os proprietários americanos de longa data do clube eram "responsáveis" pelo revés por 3-1.

O homem de 48 anos, que passou toda a sua vida no United depois de se formar na academia do clube, afirmou que os Glazers "supervisionaram 10 anos de mediocridade" e "estabeleceram a cultura de ganância, indisciplina, indecisão e incerteza que permeia o clube". Mais tarde, ele acrescentou que "o futebol é volátil, então os resultados em campo podem ser erráticos e cíclicos, mas fora do campo".

Respondendo ao co-apresentador do Sky Sports Monday Night Football, Carragher não resistiu à oportunidade de zombar de Neville e de seu ataque aos Glazers, insistindo que foi a genialidade do ex-presidente do United, Martin Edwards, que impediu o Liverpool de vencer a Premier, antes de sua saída em 2002.

“Todo esse tempo pensei que Alex Ferguson nos impediu de ganhar a PL”, postou Carragher para seus 2,2 milhões de seguidores. "Mas na verdade foi Martin Edwards."

Via ECHO