Texto por Colaborador: Redação 23/03/2024 - 00:25

O capitão do Liverpool, Virgil van Dijk, é sem dúvida um dos maiores defensores que já jogou, mas em seu país nem todos o consideram tão respeitado.

Van Dijk também é capitão da Holanda e disputou 64 partidas por sua terra natal em quase nove anos.

Tendo provado ser o melhor defensor do mundo, você poderia pensar que ele seria muito estimado em seu país.

No entanto, este não é necessariamente o caso, com jornalistas e ex-jogadores notáveis, incluindo Marco van Basten e Ruud Gullit, a apontarem ao holandês – especialmente na temporada passada, quando ele teve um desempenho fraco.

Este último chegou a dizer à Ziggo Sport que Van Dijk “acha que é melhor que os outros”.

O ex-goleiro do Liverpool, Sander Westerveld, que somou seis internacionalizações pela Holanda, lamentou a atitude e questionou por que alguns foram tão críticos.

Ele disse ao portal especializado nos Reds, This Is Anfield: “Temos uma tendência na Holanda, se você viu o documentário sobre Beckham, por exemplo, acho que na Inglaterra é meio parecido.

“É uma mentalidade muito estranha e também é o motivo pelo qual não temos jogos lendários.

“Acho que a forma como tratam as lendas na Inglaterra e na Espanha é muito diferente da forma como tratam as lendas na Holanda. Na Holanda, eu sempre disse que as pessoas são negativas, ciumentas, então sim.”

Westerveld passou a citar vários ex-jogadores, incluindo Mark van Bommel e Frank Rijkaard, explicando como “quando voltaram à Holanda depois de uma grande carreira e jogaram pelo PSV ou Ajax, estão sendo criticados, sendo velhos”.

“Mesmo Henderson agora, eles ainda o criticam depois de um jogo, como 'uh, ele está muito velho'. É assim que as pessoas pensam na Holanda, ou especialmente a mídia”, continuou o homem de 49 anos.

“Felizmente Van Dijk não se importa, então ele está apenas jogando o seu jogo. Com a seleção é diferente, então eles o amam. As pessoas o amam, mas a mídia está sempre criticando todo mundo.

“Se ele fez um jogo ruim, então está muito velho, é assim que pensam na Holanda. Míope, acho que devemos chamá-los.

Durante as comemorações do Liverpool pós- final da Copa da Liga contra o Chelsea, Van Dijk disse para a câmera: “Eles pensaram que eu estava acabado”.

Há menos de seis meses, o analista Johan Derksen disse que Van Dijk estava “no limite” – como ele estava errado.

Parece que o zagueiro do Liverpool não é o único a ser criticado por parte da imprensa. Não foi apenas a mídia que criticou os jogadores holandeses do Liverpool.

Depois de assinar pelos Reds no final da janela de transferências do verão, Ryan Gravenberch optou por ficar em Merseyside e se familiarizar com o novo ambiente, em vez de fazer um curto campo de treinamento com os Sub-21 da Holanda.

Isso despertou a raiva do técnico Ronald Koeman, que disse : “Não estamos felizes com o fato de [ele] se recusar a jogar pelo seu país”.

 

via this is anfield

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova o nome de Slot para comandar o Liverpool no lugar de Klopp?

Sim

Votar

Não

Votar

1117 pessoas já votaram