Texto por Colaborador: Redação 10/09/2023 - 03:56

Jurgen Klopp aproveitou a pausa internacional para retornar à sua terra natal, que incluiu uma visita ao ex-clube Mainz, no sábado.

Klopp estava, a certa altura, considerando uma licença sabática em 2024, mas ao assinar um novo contrato com o Liverpool adiou seus planos até pelo menos 2026.

É claro, porém, que as suas prioridades mudaram ultimamente, pois enquanto anteriormente ele passava férias internacionais em férias de clima quente, agora aproveita a oportunidade para visitar o seu novo neto.

Isto significa viagens frequentes de regresso à Alemanha, onde este mês também combinou o regresso ao clube onde iniciou a sua carreira de treinador, o Mainz.

Onze anos no Mainz como jogador tornaram-se mais sete como treinador, forjando a reputação que lhe valeu a transferência para o Dortmund em 2008 e para o Liverpool sete anos depois.

O seu feito de maior orgulho no Mainz foi a promoção à Bundesliga em 2003/04, e não é surpresa que seja considerado uma figura lendária no clube.

No sábado, Klopp foi a Mainz para o amistoso contra o MSV Duisberg, cumprimentando os torcedores em um palco fora do Bruchwegstadion antes do início do jogo.

O amistoso foi organizado como uma despedida dos torcedores do setor Sudtribune do Bruchwegstadion, que deverá ser demolido no próximo ano.

Mainz mudou-se do Bruchwegstadion para a sua nova Mewa Arena em 2011, tendo jogado no estádio durante 82 anos antes disso - desde então, ainda acolheu jogos juvenis do clube.

Todo o tempo de Klopp no Mainz foi passado jogando no Bruchwegstadion, é claro, e portanto foi apropriado que ele fizesse o que o clube descreveu como uma “visita rápida” em um dia memorável.

Klopp foi saudado com gritos de “Jurgen, Jurgen” pelos torcedores reunidos perto do palco antes do jogo, que viu o emprestado do Liverpool, Sepp van den Berg, começar.

Ele usava uma camisa estampada com “Sudtribune, stufen voller geschichte”, que significa “Tribuna Sul, passos cheios de história” em inglês.

Durante sua passagem pelo Mainz, Klopp atuou 340 vezes como jogador, antes de dirigir 269 jogos em todas as competições.

Apenas dois jogadores na história do clube – Dimo Wache (406) e Nikolce Noveski (348) – fizeram mais jogos que Klopp.

Klopp também marcou mais gols do que todos os jogadores na história do clube, exceto três, de acordo com o Transfermarkt.

Via This is Anfield

Categorias

Ver todas categorias

O Liverpool tem chances reais de título da PL?

Sim

Votar

Não

Votar

6680 pessoas já votaram