Texto por Colaborador: 09/08/2019 -

O atual vice-campeão da Premier League começou dando show. Abrindo a edição de 2019-20, o Liverpool goleou o Norwich City por 4 a 1, nesta sexta-feira, em casa. Grant Hanley (contra), Mohamed Salah, Virgil van Dijk e Divock Origi fizeram os gols dos mandantes no Anfield ainda no primeiro tempo. Teemu Pukki descontou na etapa final.

Diante do atual campeão da segunda divisão, o time de Jürgen Klopp foi dominante ao longo dos 90 minutos, embora tenha visto o adversário até começar bem o confronto. Antes de bola a rolar, a torcida ainda fez uma bela festa para comemorar o título da Uefa Champions League conquistado em 2018-19.

A notícia triste para o torcedor ficou por conta de Alisson, que precisou ser substituído aos 39min do primeiro tempo após ter se machucado sozinho em tiro de meta. Com isso, o espanhol Adrián, contratado na última janela, entrou na vaga do brasileiro, que tinha disputado todas as rodadas da última edição do Inglês.

Com o resultado, os Reds chegam a 13 partidas de invencibilidade contra os Canaries - 11 vitórias e dois empates. O último revés ocorreu por 1 a 0, em casa, em abril de 1994. Além disso, a equipe vai a 41 jogos de invencibilidade em seu estádio no Inglês, com 31 triunfos e dez empates. A sequência foi construída após uma derrota para o Crystal Palace, em abril de 2017.

Pela próxima rodada da Premier League, no sábado, às 11h, o Liverpool visitará o Southampton no St. Mary's Stadium.

Antes, na quarta-feira, os Reds duelarão com o Chelsea no Vodafone Park, em Istambul, às 16h, pela Supercopa da Uefa

Klopp agora enfrenta uma espera nervosa enquanto os médicos do clube avaliam a lesão de Alisson, mas por enquanto o foco deve estar no time dele, vencendo de forma convincente.

JOGO

Os visitantes até começaram bem a partida e fizeram um jogo parelho nos primeiros minutos, inclusive, exigindo duas boas defesas de Alisson ao longo do primeiro tempo. No entanto, os Reds foram letais diante de sua torcida e não só saíram em vantagem como abriram uma goleada ainda antes do intervalo.

Aos 7min, Origi fez jogada pela esquerda, cruzou e viu Hanley desviar contra a própria meta. Doze minutos mais tarde, a bola sobrou na área, Salah recebeu de Roberto Firmino e só tirou do goleiro Tim Krul. Vale lembrar que o egípcio dividiu a artilharia da última edição com Sadio Mané e Pierre-Emerick Aubameyang, com 22 gols.

O terceiro viria aos 28min, quando Salah cobrou falta da esquerda e Van Dijk cabeceou para o fundo da rede. Aos 42min, Trent Alexander-Arnold – que deu 12 assistências na última Premier League - fez ótimo lançamento na área, e Origi cabeceou para o fundo da rede. Os Reds, assim, tornaram-se o primeiro time a marcar quatro gols no primeiro tempo nas últimas dez edições da Premier League.

Na etapa final, os mandantes seguiram no controle da partida e criaram chances de construir um placar ainda maior, como no chute no travessão de Jordan Henderson, após ótima defesa de Krul. Os visitantes, por sua vez, conseguiriam fazer seu gol de honra aos 19min. Artilheiro da segunda divisão na temporada passada com 29 gols, Pukki recebeu grande passe de Emiliano Buendía na área e tirou do alcance de Adrián.

GOLS

Hanley OG 7′ (assist – Origi)
Salah 19′ (assist – Firmino)
Van Dijk 28′ (assist – Salah)
Origi 42′ (assist – Alexander-Arnold)
Pukki 64′ (assist – Buendia)

FICHA

Liverpool: Alisson (Adrian 39′); Alexander-Arnold, Gomez, Van Dijk, Robertson; Fabinho, Henderson, Wijnaldum; Salah, Origi (Mane 74′), Firmino (Milner 85′)

Norwich: Krul; Aarons, Hanley, Godfrey, Lewis; Trybull (Hernandez 70′), McLean; Buendia, Stiepermann (Leitner 58′), Cantwell; Pukki (Drmic 83′)

BASE JOGO - ESPN BR

Categorias

Ver todas categorias

Nunez tem condições de repor a saída de Mane?

Não

Votar

Sim

Votar

617 pessoas já votaram