O atacante do Liverpool, Diogo Jota, foi enviado para casa antes do jogo de Portugal com o Luxemburgo esta noite, confirmou a FA portuguesa.

O jogador de 24 anos não jogou pela seleção lusitana durante o intervalo internacional, pelo que ficou de fora do amistoso com o Qatar no fim-de-semana passado.

Foi relatado que Jota sofreu um problema muscular e treinou longe do grupo principal na segunda-feira, colocando sua condição física em dúvida antes da viagem do Liverpool a Watford no sábado.

Em comunicado, a Federação portuguesa confirmou que o atleta já tinha deixado a selecção nacional após ter sido considerado indisponível para a seleção:

“Diogo Jota foi demitido pelo Seletor Nacional, Fernando Santos, após ter sido considerado indisponível pela Unidade de Saúde e Desempenho da FPF para enfrentar o Luxemburgo, em reunião a realizar esta terça-feira.”

O português é agora uma dúvida séria para o jogo do Liverpool contra o Watford, com mais esclarecimentos sobre a lesão que certamente virão do clube em breve.