Uma equipe jovem do Liverpool venceu o Everton, pela FA Cup, graças ao gol magnífico de Curtis Jones no segundo tempo.

Jurgen Klopp nomeou um time muito rodado, contendo três jogadores que não nasceram na última vez que o Everton venceu em Anfield em 1999. Apenas dois jogadores - Joe Gomez e James Milner - permaneceram do time que derrotou o Sheffield United três dias antes.

A nova contratação de Takumi Minamino se tornou o primeiro jogador japonês a jogar pelos Reds, enquanto Nat Phillips também estava estreando e Yasser Larouci fez dele um trio de estreantes nos primeiros 10 minutos ao substituir o lesionado James Milner. 

Isso significava que a equipe do Liverpool agora apresentava sete jogadores com 22 anos ou menos.

O Everton poderia ter assumido o controle do jogo no primeiro tempo, mas o Liverpool foi excepcional na segunda etapa. Eles não criaram muita coisa, mas marcaram com de seus maiores talentos da base, em um dia de orgulho para o Liverpool e sua academia, condenando o rival Everton a mais uma derrota em Anfield. 

A última vitória dos Toffees aconteceu em outubro de 2010. E os visitantes até fizeram um bom primeiro tempo, obrigando o goleiro Adrián a pelo menos três boas defesas, uma delas em chute de Richarlison. Mas o Liverpool dominou a etapa final e chegou à vitória graças a Curtis Jones, que tabelou com Origi e acertou um chute perfeito da entrada da área, no ângulo esquerdo de Pickford, aos 25 minutos. Agora, o Liverpool contabiliza 21 partidas sem perder para o Everton em quase dez anos.

GOLS

Jones 71′

LIVERPOOL 1X0 EVERTON

Liverpool: Adrian; Williams, Gomez, Phillips, Milner (Larouci 8′); Chirivella, Lallana, Jones; Elliott (Brewster 79′), Minamino (Oxlade-Chamberlain 70′), Origi.

Everton: Pickford, Coleman (Kean 63′), Holgate, Mina, Digne, Sidibe, Sigurdsson (Delph 63′), Schneiderlin, Walcott (Bernard 79′), Calvert-Lewin, Richarlison.