O capitão do Liverpool, Jordan Henderson, também conversou com a mídia antes da final da Liga dos Campeões no sábado.

Aqui está o que ele tinha a dizer:

Henderson diz que vencer a Liga dos Campeões em Madrid em 2019 foi o "maior momento" de sua carreira: "Finalmente vencer a Liga dos Campeões, depois de perder o ano anterior, foi um momento emocionante. Tenho essa motivação para sábado."

O meio-campista inglês disse que é vital aproveitar as grandes oportunidades quando elas surgem: "Você nunca sabe quando é sua última chance, então é por isso que a próxima oportunidade é a maior. Isso é tudo para nós. Nunca sabemos o que vai acontecer no futuro, por isso temos que valorizar cada momento. Trabalhamos há muito tempo por essas oportunidades. Precisamos estar prontos."

Ele minimizou o efeito da temporada cansativa do Liverpool, já tendo vencido as duas copas nacionais e terminado apenas um ponto atrás do campeão da Premier League Manchester City: "Fisicamente, me sinto bem. Mo [Salah] me deu dicas sobre recuperação e isso ajudou a ter um estado muito fresco durante a maior parte da temporada. Incluindo internacionais, são mais de 60 jogos. É importante porque estou na casa dos 30, por isso é bom divulgar esses números."

Henderson disse que eles vão se inspirar na derrota na final da Liga dos Campeões para o Real Madrid em 2018: "Nós demos absolutamente tudo durante toda a temporada. O sábado é uma grande oportunidade para terminar em alta. Foi um momento difícil depois de Madrid e foi experiência para nos deixar melhor e mais forte."

Ele disse que a equipe está em um ótimo lugar: "O clima é bom. Posso ver a emoção neles prontos para o fim de semana. Mal podemos esperar para começar uma última vez no sábado. Queremos muito a Liga dos Campeões".