As vitórias do Liverpool terminaram neste sábado (29) em 18 jogos, com o recorde de invencibilidade em 44 na Premier League. Cerca de 423 dias após sua última derrota na Premier League, eles sofreram outra e, se isso é difícil de entender, dada a implacável presença dos homens de Jürgen Klopp nesta temporada, então o modo como eles caíram em uma noite fria em Vicarage Road só aumenta o sentido de choque e pavor. A chave para isso foi uma performance sensacional de Ismaila Sarr, que marcou duas vezes, preparou o outro para Troy Deeney e, geralmente, comandou o Liverpool.  Apático e sem a mesma intensidade desde a volta das férias de inverno, o Liverpool esteve irreconhecível, sofrendo gols amadores e infantis. Os Vermelhos ainda vão vencer a liga a galope, e isso é tudo, no fim, é o que realmente importa. 

Indiscutivelmente, os donos da casa foram a melhor equipe durante os 90 minutos e receberam suas recompensas no segundo tempo. Ismaila Sarr marcou dois gols em lances rápidos, enquanto Troy Deeney completou o placar. Klopp fez duas mudanças na equipe do Liverpool que derrotou o West Ham na segunda-feira, com Dejan Lovren e Alex Oxlade-Chamberlain chegando para Joe Gomez e Naby Keita, que estavam ausentes devido a um pequeno problema de condicionamento físico e dor no quadril, respectivamente.

A inclusão de Lovren sobre Joël Matip foi uma surpresa. Talvez Klopp tenha achado que o croata seria mais adequado para lidar com o desafio físico apresentado por Troy Deeney, que foi novamente o único solitário do time de Watford que também continha duas mudanças, a mais notável sendo a inclusão de Ismaila Sarr sobre Roberto Pereyra. O atacante do Senegal começou sua primeira partida em mais de um mês depois de se recuperar de uma lesão no tendão e apresentou um desafio notável para os visitantes, devido à sua excelente forma antes de ser afastado.

O revés impede o Liverpool de ser apenas o terceiro campeão invicto do Campeonato Inglês - o segundo na era Premier League. Também põe fim a uma invencibilidade de 44 partidas na Premier League, a segunda maior da competição, quando faltavam somente cino jogos para alcançar recorde do Arsenal, alcançado em 2004. Além disso, o Liverpool não conseguiu a 19ª vitória seguida, que seria a maior sequência de triunfos da competição, mantendo o recorde dividido com o Manchester City de duas temporadas atrás.

 

GOLS

Sarr 54′
Sarr 60′
Deemey 73′

WATFORD 3X0 LIVERPOOL

Watford: Foster; Femenia, Kabasele, Cathcart, Masina; Capoue, Hughes; Sarr, Doucoure, Deulofeu (Pereyra 37′); Deeney.

Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold, Lovren, Van Dijk, Robertson; Fabinho, Wijnaldum (Lallana 61′), Oxlade-Chamberlain (Origi 65′); Salah, Mane, Firmino (Minamino, 79′).