Jurgen Klopp nomeou a formação mais forte possível para o primeiro jogo dos Reds na Premier League, depois de ser coroada campeã mundial em Doha antes do Natal.

Os três titulares do ataque foram selecionados com Naby Keita começando mais uma vez no meio-campo, além de Gini Wijnaldum substituindo Alex Oxlade-Chamberlain.

E enquanto todos esperavam um dos jogos mais importantes da temporada, foi uma performance exclusiva do Liverpool. Quando o atual momento for discutido nos próximos anos, esse massacre - pela 19° rodada - poderá ser lembrado como o dia em que o Liverpool provou, sem sombra de dúvida, que é a melhor equipe do país, tendo ainda um jogo por se disputar. Agora eles podem ficar invictos?

São 35 jogos sem perder no Campeonato Inglês - o último revés foi em 6 de janeiro. Nesta temporada, são 17 vitórias e um empate em 18 jogos na Premier League. 

Com a goleada, o Liverpool abre 13 pontos de vantagem sobre o segundo colocado Leicester na corrida pelo título, embora nesta noite não parecesse que um lugar separava as duas equipes, mas parecia que os líderes da Premier League pertenciam a uma estratosfera diferente.

Campeões da Europa, campeões do mundo e certamente o melhor time em Leicester em uma noite fria e chuvosa de Boxing Day. Por um tempo no sábado, o Leicester se atreveu a acreditar que poderia vencer o Manchester City, embora contra o Liverpool isso nunca tenha sido discutido. Se o primeiro tempo era desconfortável para a equipe de Brendan Rodgers, o segundo tempo os levou a lugares que não queriam ir, pois foram pressionados pela primeira vez e depois demolidos pelas implacáveis ​​forças de ataque de um time de Klopp no ​​topo de seu jogo.

GOLS

Firmino 30′ 74′, Milner pen 71′, Alexander-Arnold 78′

LEICESTER 0X4 LIVERPOOL

Leicester: Schmeichel; Pereira, Evans, Soyuncu, Chilwell; Ndidi; Barnes (Albrighton), Praet (Perez), Tielemans, Maddison (Choudhury); Vardy

Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold, Gomez, Van Dijk, Robertson; Henderson (Lallana), Wijnaldum, Keita (Milner); Salah (Origi), Firmino, Mane