Mohamed Salah marcou uma vez em cada tempo, quando o Liverpool ampliou sua liderança no topo da Premier League com uma vitória por 2 x 0 sobre o Watford, neste sábado (14), na abertura da 17° rodada.

Com Klopp fazendo três mudanças no time que venceu em Salzburgo, os Reds alinharam no 4-2-3-1, com a adição de Xherdan Shaqiri aos três da frente, o Liverpool move 11 pontos de vantagem com uma vitória desconfortável sobre Watford em um jogo muito estranho. Mo Salah marcou dois gols elegantes para punir um Watford que teve várias chances perdidas. O Liverpool era desleixado, nervoso, pouco convincente ... e eles ainda venceram. Os gols em si foram uma beleza. 

De negativo a saída forçada de Wijnaldum no segundo tempo, com o holandês sentindo o tendão, provavelmente adicionando à lista dos Reds de lesões a longo prazo, juntamente com Fabinho, Joel Matip e Dejan Lovren.

Levou muito tempo para ter certeza da vitória, e a defesa do Liverpool não parecia tão segura como de costume, mas com uma força de ataque como essa, sempre há um coelho na cartola. Em um jogo desagradável contra o Watford, que parecia muito mais seguro com o novo técnico Nigel Pearson, em que Alisson precisou trabalhar.

E embora o caminho até agora tenha sido com melhor desempenho dos líderes da liga, o triunfo fez com que os Reds somem notáveis ​​16 vitórias em 17 jogos até agora. O Liverpool  também está invicto em 34 jogos da Premier League (29 vitórias e 5 empates), a terceira maior sequência da história da competição depois do Arsenal (49) entre maio de 2003 a outubro de 2004 e do Chelsea (40) entre outubro de 2004 e outubro de 2005.

Agora, da Premier League ao Qatar para a Copa do Mundo de Clubes da Fifa.

GOLS

Salah 38′ (assist – Mane)
Salah 90′ (assist – Origi)

LIVERPOOL 2X0 WATFORD

Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold, Gomez, Van Dijk, Milner; Henderson, Wijnaldum (Robertson 59′); Shaqiri (Oxlade-Chamberlain 70′), Firmino (Origi 88′), Mane; Salah.

Watford: Foster; Cathcart, Mariappa, Kabasele; Femenia, Hughes, Capoue, Doucoure (Quina 87′), Sarr; Deeney (Gray 75′), Deulofeu.