O Liverpool encerrou uma série de quatro derrotas consecutivas na Premier League e marcou seu 7.000º gol na primeira divisão durante uma vitória sobre o Sheffield United que o coloca a dois pontos de uma vaga na Liga dos Campeões.

O goleiro do Blades, Aaron Ramsdale, fez uma série de boas defesas para frustrar o Liverpool no primeiro tempo, já que a recente falta de vantagem dos Reds na frente do gol parecia determinada a continuar.

Mas Curtis Jones, de 20 anos, mostrou o toque clínico que seus companheiros não tiveram para quebrar a determinação dos anfitriões logo após o intervalo.

O remate de Roberto Firmino desviou-se de Kean Bryan e de Ramsdale, enquanto o Liverpool aumentava a vantagem com o 7.000º gol do clube na primeira divisão da Inglaterra.

Os Reds são apenas a segunda equipe a atingir essa marca, depois do rival Everton, de Merseyside, que marcou 7.108.

A vitória mantém a equipe de Jurgen Klopp em sexto na tabela e agora eles estão dois pontos atrás do West Ham, em quarto lugar.

O Sheffield United foi competitivo durante todo o tempo e Oliver McBurnie pode ter se saído melhor quando cabeceou ao lado, sem marcação de um cruzamento de Oliver Norwood.

Mas os Blades, que estão na última posição, agora terão que produzir uma recuperação sem precedentes se quiserem permanecer na Premier League nesta temporada.

FICHA

Sheffield United: Ramsdale; Stevens, Bryan, Jagielka (Osborn 56′), Ampadu, Baldock; Norwood, Fleck, Lundstram; McGoldrick (Burke 56′), McBurnie

Liverpool: Adrian; Alexander-Arnold, Phillips, Kabak, Robertson; Wijnaldum, Thiago (Milner 76′), Jones (Keita 80′); Salah, Mane, Firmino

GOLS

Jones 48′ (assist – Alexander-Arnold)Bryan OG 65′ (assist – Firmino)