Texto por Colaborador: Redação 09/05/2023 - 15:00

Em meio às vaias da maioria da torcida em Anfield, Jordan Henderson, do Liverpool, se destacou como um dos poucos que cantaram junto o hino nacional. Alguns torcedores do Liverpool expressaram sua exigência para que Henderson deixe o clube como resultado de sua decisão de desafiar suas vaias e se juntar para cantar o hino.

Como era de se esperar, 'God Save the King' foi abafado pelos fiéis de Anfield antes do confronto da Premier League com o Brentford para marcar a coroação do Rei Charles.

O time titular de Jurgen Klopp, com jogadores ingleses como Trent Alexander-Arnold e Curtis Jones, manteve um comportamento sério sem reagir às vaias. Enquanto isso, Henderson, posicionado na linha de toque com os substitutos, optou por participar ativamente do hino.

No entanto, essa escolha enfureceu uma série de fãs que assistiram à transmissão de casa e testemunharam as câmeras capturando suas ações.

Um deles tuitou: "Jordan Henderson é uma vergonha tirá-lo do clube agora".

Um segundo escreveu: "Henderson cantando o hino pega ele garrrnnnn".

Um terceiro se irritou: "HENDERSON FORA DO NOSSO CLUBE DA P*** IMEDIATAMENTE".

O quarto disse: "Espero que ele nunca mais jogue por nós". (Via Tribuna.com)

Categorias

Ver todas categorias

Você aprova o nome de Slot para comandar o Liverpool no lugar de Klopp?

Sim

Votar

Não

Votar

1115 pessoas já votaram